Mundo encantado das poesias
Somos como um grão de areia espalhado pelo o mundo, separados apenas pelo os nossos ideais
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
ContatoContato
LinksLinks
Textos


O coração chora

O coração chora a dor
Que cai em gotas
Como nuvens de vapor

Fazendo da noite
O seu açoite no amanhecer
De tanto chorar
Replicas da solidão
Que atormenta ao redor do seu viver

Exclui-se da vida que tanto sonhara ter
Um amor, uma flor e seus ramalhetes
Para se encantar como se encanta o beijar flor

Ver a primavera como uma linda paisagem
Deverás vê o coração
Olhar a noite cobrindo as estrelas no céu

Voar como um pássaro com seu canto de felicidade
No paraíso do romantismo
E novamente encher os vales perdidos
Com sonhos dourados de amor
Hilton Rubens
Enviado por Hilton Rubens em 18/11/2018
Alterado em 01/12/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários