Mundo encantado das poesias
Somos como um grão de areia espalhado pelo o mundo, separados apenas pelo os nossos ideais
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
FotosFotos
PerfilPerfil
ContatoContato
LinksLinks
Textos

"Meu velho amigo", "Meu velho pai".
In memória do meu grande amigo, meu "pai".
Música:"Meu velho amigo", "Meu velho pai".
Autor: Hilton Rubens

"Pai" eu sinto a sua falta
Lembro-me aquele dia
Que você foi embora

"Pai" é nessa hora que as minhas
Lágrimas caem ao chão,
Perdoa se te magoei.
Perdoa este meu coração.

"Meu velho amigo", "meu velho pai"
Por toda a minha vida,
Eu não "te esquecerei jamais".

"Pai" eu sei que tudo nessa vida
Tem o seu começo e o seu fim
Foi quando partiu
Que tudo ficou mais difícil para mim.

"Meu velho amigo","meu velho pai".
Por toda a minha vida,
Eu não te "esquecerei jamais"...

Oh não, oh não,
Eu não te "esquecerei te jamais",
"Meu velho pai".
Hilton Rubens
Enviado por Hilton Rubens em 26/02/2015
Alterado em 10/07/2018
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários